sábado, 21 de março de 2015

GALERIA DE FOTOS







Nathaly mandou estas fotos das suas fofurinhas.



Carlos tem este lindo casal: Mel uma Nova Zelândia e o Louier um Borboleta.

 Estes são meus coelhos, a amarela é a Mel e o branco é o Louier (se lê Luie), eles adoram brincar no terreno. Amo muito eles por isso fico o tempo todo os observando para não fugirem para o terreno vizinho.
Sei que a Mel é da raça Nova Zelândia, mas não sei a raça do Louier.


O Jhonny Kheuryth mandou fotos dos seus fofinhos, não são lindos? 


Lú e sua coelhinha Mel são velhas amigas do blog, e nos mandaram novas fotos da sua já crescida família:


Passados três anos, a paixão pelos orelhudos só aumentou e a família cresceu. Aos poucos fui inserindo membros novos e estão em paz.
Já tivemos crias lindas. Uma experiência adorável!
Hoje tenho comigo 8 fêmeas e um macho (este castrado e amputado, pois nasceu com problema genético e é meu filhotinho especial).
Me livrei das gaiolas que davam muito trabalho e construí um "coelhódromo" de 4,50m por 2,20m, cercado por tela e onde coloquei três casinhas de madeira que eu mesma desenhei, mandei construir e pintei. Ficou um amor!
Minha Mel, que foi a primeira, não abre mão da liderança; as vezes uma correria aqui e ali, uns pelos pelos ares, mas nada preocupante.
Teu blog foi muito importante para compreender como lidar com eles e sou extremadamente grata por tua dedicação. Deus abençoe tua vida e teu trabalho!
Grande abraço e tenha excelentes dias.

Lú Albuquerque
Pelotas / RS




Micaela de Aurelino Leal, na Bahia nos mandou esta foto:

Juju é calma, doce e uma ótima companheira de estudos, todas as tardes me acompanha nas leituras rrrrsss!!!






Este espaço é para colocar as fotos de todos os fofinhos dos meus leitores.
Se você quer o seu coelhinho aqui no blog, mande uma foto para lilia_arq-coelhos@yahoo.com.br e mande o nome do bichinho e o seu (só o primeiro nome ou apelido que você goste)

Pode escrever alguma coisa sobre seu fofinho.

As fotos vão sair com as legendas que aparecem nestas fotos.





sábado, 7 de março de 2015

ESTOU DE VOLTA

Depois de um ano longe do blog, estou de volta. Estava com muita saudade dos meus leitores e seus lindos coelhinhos.



Tenho mais de 130 comentários para responder e vai levar muito tempo se respondo um a um, por isso vou deixar algumas respostas prontas que servem para muitos comentários.

1- A maioria das perguntas estão respondidas no próprio blog nas páginas. 

Leia bem antes toda a informação clicando nas abas no topo do blog com as matérias: alimentação, a toca do coelho, reprodução, caraterísticas

2- COELHO DOENTE TEM QUE IR AO VETERINÁRIO

Não perca tempo fazendo perguntas, se suspeita que seu orelhudinho está doente, leve logo ao veterinário, quanto antes, melhor. Os coelhos não demostram que estão doentes as vezes até que é tarde demais.

Eu não sou veterinária nem zootecnista, apenas amo coelhos e fico muito tempo observando e estudando o comportamento deles, por isso posso dar dicas em relação ao cuidado e a relação "pessoa - coelho".

3- O fato de você não ver a coelha amamentar os filhotes, não quer dizer que não os alimente.

As coelhas preferem dar de mamar de noite e quando estão sós e tudo calmo. Elas dão de mamar uma vez ao dia, o resto do dia até fogem dos filhotes se tentam se aproximar, mas é assim mesmo, e os coelhinhos crescem bem.

4- ninho para filhotes pode ser um caixote de madeira, não usem papelão porque a coelha vai picar todinho para fazer um lindo ninho para seus coelhinhos


quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Exposição de Mini Coelhos e Venda de filhotes

A próxima exposição e venda de minis coelhos no Sitio São José será durante o feriado do dia das Crianças 12/10 e no Sábado - 13/10.


Gostaríamos da visita de todos !! Estaremos com animais adultos para exposição, filhotes à venda, acessórios, brinquedos, rações, feno etc...


Local: Sítio São José - Próximo ao aeroporto de Viracopos 

Lázaro, o valente coelho



História enviada por nosso leitor Erix Trex

Outro dia, fui ver se meu coelho estava no beco cheio de mato onde eu o havia deixado.




Quando estava chegando escutei um grito de coruja. Corri pra lá e cheguei a tempo de ver uma rara coruja branca tentando pegar meu coelho Nova Zelândia, Lázaro.

A coruja bicou 3 vezes nas costas do meu coelho, e Lázaro, por mais inacreditável que pareça, revidou!

Valentemente lançou as garras para cima da coruja e mordeu na barriga dela. Ela caiu, e, antes de ela poder se levantar, o que demorou uns 30 segundos, o coelho arrancou 7 penas grandes da cauda dela.

A coruja assustada tentou voar, mas, com a cauda depenada, só voou uns 5 metros para cima e caiu na casa ao lado, onde 4 cachorros correram para cima dela. Lá ela soltou seu último grito.

Quando peguei o Lázaro, ele estava um pouco assustado, mas passava bem. As bicadas que a coruja deu nele abriu pequeninas feridinhas que cicatrizaram em um dia.





Hoje o coelho está bem, corre por todo lado e até fez um túnel no lugarzinho dele, mas não dispensa a boa e velha gaiola coberta com lona e com a ração e a água.

Esta é história de meu corajoso coelho, Lázaro.



quarta-feira, 5 de setembro de 2012

GAIOLAS, CERCADOS OU COELHEIRAS?



Qual a melhor maneira de criar seu coelho de estimação? Solto? Em gaiola? Em cercado? Em coelheiras?

 Nada mais lindo do que um coelho solto no meio do jardim pulando, e comendo...











e nada mais destrutivo também!









Em breve colocarei uma página específica sobre como acomodar seu coelhinho em casa.